Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.cedes.org/handle/123456789/4579
Título : Diretrizes para o projeto do protocolo de atendimento de meninas e adolescentes com menos de 15 anos de idade com gravidez indesejeda
Autor : Ramos, Silvina 
Romero, Mariana 
Ariza, Sonia 
Tiseyra, María Victoria 
Palabras clave : EMBARAZO NO DESEADO;SALUD SEXUAL Y REPRODUCTIVA;EMBARAZO EN ADOLESCENCIA;DERECHOS SEXUALES Y REPRODUCTIVOS;POLITICAS PUBLICAS DE SALUD;CALIDAD DE LA ATENCION DE SALUD
Fecha de publicación : Jul-2020
Editorial : CLACAI; FLASOG
Resumen : Este documento tem como finalidade contribuir no desenvolvimento de diretrizes e/ou protocolos de atendimento que salvaguardem garantias mínimas de proteção de direitos humanos e de padrões de qualidade na prestação de serviços que se deve oferecer a meninas e adolescentes com menos de 15 anos de idade com gravidez indesejada. Seu propósito é preencher um vazio, porque ainda são bem poucos os Estados da Região, que contam com políticas específicas para este grupo de idade e diante de situações muito adversas, e como CLACAI, nos sentimos muito satisfeitas de unir esforços com outras instituições que também estão trabalhando neste tema. O documento está organizado em 4 capítulos. O primeiro é sobre a relevância da problemática da gestação e em particular, da gravidez forçada e/ou gravidez indesejada em meninas e adolescentes com menos de 15 anos de idade no contexto latino-americano e destaca a importância do projeto e a implementação de estratégias que promovam ações preventivas e de atendimento integral. No segundo capítulo, são descritos os determinantes, a magnitude do fenômeno e suas caraterísticas centrais, bem como as consequências geradas pela gravidez e maternidade forçada, bem como a falta de acesso ao aborto seguro e as consequências a que isso leva. Como se pode observar, os resultados não só se produzem no imediato, mas também a longo prazo, pois afetam suas trajetórias de vida ao impor obstáculos nas metas educativas e de trabalho. Além disso, estes impactos negativos se observam no desenvolvimento econômico dos países da região, devido aos problemas no desenvolvimento do capital humano e à perda de ingressos fiscais que destes resultados se derivam. No terceiro capítulo, se oferece uma descrição das principais normas, legislações e padrões internacionais de proteção dos direitos sexuais e reprodutivos de meninas e adolescentes. Se destaca a obrigação dos Estados de garantir o cumprimento destes direitos, incluindo o direito à interrupção legal da gravidez (ILE), que deve ser oferecida em condições de segurança e qualidade. Por último, no quarto capítulo, se apresentam os parâmetros e critérios básicos a ter em consideração para a elaboração de protocolos de atendimento a meninas de menos de 15 anos de idade grávidas que devem seguir os sistemas de saúde. Nesta linha, são detalhadas as dimensões chave que deve conter um protocolo de atendimento: a detecção oportuna da gravidez, aconselhamento em direitos e opções, o acompanhamento clínico e suporte psicossocial, o seguimento integral e a abordagem intersetorial da situação da menina e adolescente grávida. Além disso, destaca a importância da elaboração de estadísticas específicas para dar conta do problema em toda sua magnitude e complexidade, e orientar diagnósticos mais precisos e intervenções mais pertinentes.
URI : http://repositorio.cedes.org/handle/123456789/4579
https://www.clacaidigital.info/handle/123456789/1339
Appears in Collections:Documentos de trabajo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LINEAMIENTOS (PORTUGUES) 13.11.pdfDocumento en portugués611,77 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open
Show full item record

Page view(s)

139
checked on Jun 24, 2021

Download(s)

16
checked on Jun 24, 2021

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.